06/09/2020 – Por que faltam motoristas para as empresas do TRC?

03/09/2020 – 08:20 / SETCESP

O IPTC, a pedido do SETCESP, está realizando um estudo para desvendar as respostas para essa pergunta

O Brasil está acompanhando as tendências dos Estados Unidos da América e da Europa quando o assunto é a falta de motoristas profissionais do TRC. Para se ter uma ideia, nos EUA estima-se que faltam cerca de 60 mil profissionais, enquanto que, na Europa, 127 mil, principalmente em países como Inglaterra, Alemanha e Espanha.

Esses dados são do relatório técnico “A falta de motoristas para as empresas do TRC”, elaborado pelo Instituto Paulista do Transporte de Carga (IPTC), e que se baseou em estudos publicados pela ATA (American Trucking Association – Associação Nacional das Transportadoras), em informações cedidas pelo Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (CAGED) e também pelo Departamento Estadual de Trânsito de São Paulo (DETRAN-SP) e Departamento Nacional de Trânsito (DENATRAN).

De acordo com o texto, desde 2015 o número de motoristas habilitados para dirigir caminhões (categoria C e complementares) caiu -5,9% ao ano no Brasil – o que representa mais de 1 milhão de motoristas. Em São Paulo a queda é mais brusca, e chegou a -8,9% entre os anos de 2017 e 2018.

Outro ponto analisado na pesquisa está relacionado com os empregos no TRC na base territorial do SETCESP. Em 2019, além das demissões sem justa causa apontadas, o numero de desligamentos a pedido do motorista da uma ideia da rotatividade deste profissional, principalmente no mês de outubro, levando a um número que indica que já existe uma falta de mão de obra qualificada.

Você pode ter acesso ao relatório completo aqui:   LEIA A PESQUISA

 

Pesquisa: a falta de motoristas no TRC

O IPTC e o SETCESP estão realizando um estudo para descobrir os motivos que levam à falta de motoristas no setor de transporte rodoviário de cargas.

Dividida em quatro etapas, a pesquisa também pretende encontrar estratégias de retenção e contratação desses profissionais.

A sua participação é muito importante para quantificarmos a necessidade de profissionais neste ramo e diminuir os custos da rotatividade de motoristas entre as empresas.

Para participar, basta clicar no botão abaixo:     QUERO RESPONDER A PESQUISA

 

 

FONTE: Você pode entrar em contato com o IPTC em caso de dúvidas contato@iptcsp.com.br ou (11) 2632-1079.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *